Entidades e empresários locais alinham próximas ações Projeto Vamos Florir

Na manhã do dia 23 de julho, o Grupo Vamos Florir reuniu-se no Nova Friburgo Country Clube para alinhar o planejamento do Projeto e dar continuidade ao trabalho que foi iniciado na Praça do Suspiro há, aproximadamente, dois meses atrás.

Estavam, na reunião, o presidente da Associação Comercial Industrial e Agrícola de Nova Friburgo (ACIANF), Júlio Cordeiro; o Vice-Presidente de Serviços, Turismo e Cultura da Acianf e Presidente do Nova Friburgo Country Clube, Roosevelt Concy; o Vice-Presidente de Administração da Acianf, Juvenal Condack; o Vice Presidente de Agronegócios da Acianf e Supervisor Regional Serrano do Emater-Rio; Alexandre Jacintho Teixeira, a Consultora do Sebrae; Wânia Monnerat; a Coordenadora do Projeto 200 anos e Primeira-Dama; Cristina Bravo; o Secretário de Serviços Públicos, Amarilio Salarini, Paulo e Rosane DeChelles, entre outros.

Segundo o presidente da Acianf, Júlio Cordeiro, “o papel da Associação Comercial nesse projeto é mediar a relação entre empresário e a Prefeitura, tornando mais simples todo o processo”.

Um ponto levantado pela primeira-dama, Cristina Bravo, foi a importância da sensibilização da população em relação ao Projeto. “É necessário que o cidadão friburguense entenda que esse projeto é para ele, para a cidade, e que isso só trará benefícios para o município.”

Após a reunião, o grupo foi até o Horto Municipal, localizado no Vale dos Pinheiros, para conhecer e trocar ideias sobre os canteiros que serão produzidos para o Projeto.

Vamos Florir

O projeto “Vamos Florir”, uma parceria da Prefeitura Municipal, Secretária de Serviços Públicos, Sebrae, Convention Bureau, Associação Comercial de Nova Friburgo e um grupo inicial de empresários do entorno do local, paisagistas e arquitetos, tem o intuito de colorir as principais praças da cidade.

O projeto, que teve início em maio, irá atender lugares como Praça do Suspiro, Mury e Conselheiro Paulino e é de iniciativa privada.  Visa incentivar a melhoria dos espaços urbanos, através da restauração e manutenção de áreas públicas.

É permitido que, qualquer entidade civil interessada em participar, assuma a responsabilidade de urbanizar e manter as áreas verdes da cidade. Para participar da ação, basta manter as áreas limpas, vegetadas, floridas e em boas condições de uso para a comunidade.

Esse tipo de iniciativa contribui para o embelezamento da cidade e para a qualidade de vida da população. As parcerias trazem um senso de responsabilidade ambiental e cidadania tanto para empresários quanto para a sociedade. Além dos benefícios sociais, ambientais e cívicos, a reurbanização dessas áreas públicas irá promover o fomento do turismo, o aquecimento da economia, e principalmente movimentar o comércio em torno das áreas em questão.

Foto - Joao Luccas Oliveira (1)

Foto - Joao Luccas Oliveira (4)

Foto - Joao Luccas Oliveira (6)

Fotos: João Luccas Oliveira